SOS Praia: 5 acidentes comuns e como reagir caso seu filho passe por algum deles

Não deixe essas questões atrapalharem suas férias!

Categorias

Compartilhe

A estação mais quente do ano chegou. E com elas as férias. E, com elas, #partiu praia! Porém, no meio da diversão, acidentes podem acontecer, e os pais precisam estar prevenidos. Pensando nisso, Victor Nudelman, pediatra da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, passou recomendações para resolver cinco acidentes comuns com crianças nessa época do ano – dessa forma, ninguém deixa de aproveitar o máximo do verão.

Insolação
O ideal é levar a criança para uma área bem arejada, incentivar que ela beba bastante líquido e tome banhos mornos, nunca quentes. Seguindo a mesma lógica, não dê nenhum antitérmico para o seu filho; ele precisa perder calor. Para aliviar um pouco o mal estar, compressas úmidas ajudam bastante. Se a insolação estiver acompanhada de queimaduras com bolhas, procure um médico.

Engolir água da piscina
É fundamental orientar a criança para não mergulhar a cabeça toda hora sem respirar apropriadamente, porque engolir muita água da piscina pode levar à hiponatremia, um tipo de intoxicação por água. Se isso ocorrer, você vai perceber que seu filho vai dormir bastante e fazer muito xixi, justamente para eliminar o líquido em excesso. Se notar que a criança está muito sonolenta e fraca, busque atendimento médico.

Queimadura por água viva
Prepare uma mistura de água com vinagre branco em partes iguais e aplique na área queimada.

-Publicidade-

Água no ouvido
A primeira atitude é fazer com que seu filho tombe a cabeça de lado, para fazer com que ela escorra. Caso não resolva, coloque uma gota de álcool 70 graus no ouvido entupido; a substância ajuda a água a evaporar mais rápido. Até mesmo o calor ajuda nesses casos, acelerando a evaporação da água e desobstruindo o ouvido da criança.

Picada de insetos
Em primeiro lugar, é muito importante levar repelente na mala – o ideal são os produtos específicos para crianças.Caso seu filho seja picado por algum inseto, faça compressas frias com gelo, para aliviar a coceira – e oriente seu filho que, caso ele coce, pode acabar se machucando. Se você perceber que uma picada se transformou em reação alérgica, com diversas erupções pelo corpo, o ideal é levar seu filho ao pediatra, que indicará uma pomada para os machucados e possivelmente um antialérgico.