Professora é julgada por borrifar desinfetante em alunos que não usavam máscara corretamente

O caso em uma escola no estado da Flórida, nos Estados Unidos

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Na última semana, uma professora foi presa sob a acusação de abuso por borrifar desinfetante em quatro de seus alunos de ensino médio;
  • O caso em uma escola no estado da Flórida, nos Estados Unidos;
  • O momento da agressão foi registrado por câmeras de segurança.

Na última semana, uma professora foi presa sob a acusação de abuso por borrifar desinfetante em quatro de seus alunos de ensino médio, em uma escola no estado da Flórida, nos Estados Unidos. O momento da agressão foi registrado por câmeras de segurança.

De acordo com o site britânico Daily Mail, a acusada trabalha há 18 anos como professora de matemática, dando reforço a alunos com deficiência de aprendizagem na Largo High School, da cidade de Largo. Em depoimento, a mulher justificou as atitudes como forma de punir os estudantes por não usarem máscara adequadamente e se protegerem contra o coronavírus.

Um jornal local apurou que a mulher passou uma noite na prisão e aguardou a sentença em liberdade. O juiz ainda disse que as imagens das agressões ajudaram na decisão. No entanto, o magistrado deve manter uma pena leve após entender o caso “como uma tentativa severamente equivocada de disciplina”.

-Publicidade-

Por ausência de registros criminais, o juiz liberou a professora da prisão sem pagamento de fiança. O caso ainda deve passar por julgamento.

Professora agride alunos (Foto: Reprodução)