Pai e filho são tratados pela mesma enfermeira com 33 anos de diferença

Os pais decidiram recriar o registro

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Nascido 10 semanas antes, com apenas três quilos, Zayne foi cercado por enfermeiras que estão determinadas a deixá-lo o mais saudável possível
  • Renata sabia que seu noivo, David Caldwell, nasceu exatamente no mesmo hospital em 1986
  • Entretanto, ela ficou chocada ao descobrir que uma das enfermeiras da unidade, Lissa McGowan, também cuidava de David há 33 anos

Uma mãe que recentemente deu as boas-vindas a um filho chamado Zayne no Hospital Universitário St. Peter em New Brunswick, no Canadá, tem feito de tudo para se relacionar com seu bebê enquanto ele está sendo tratado na UTI.

Nascido 10 semanas antes, com apenas três quilos, Zayne foi cercado por enfermeiras que estão determinadas a deixá-lo o mais saudável possível. Renata sabia que seu noivo, David Caldwell, nasceu exatamente no mesmo hospital em 1986, mas ficou chocada ao descobrir que uma das enfermeiras da unidade, Lissa McGowan, também cuidava de David há 33 anos.

Os pais decidiram recriar o registro (Foto: Reprodução/Popsugar)

“Como muitos de vocês devem saber, nosso filho nasceu 10 semanas mais cedo no Hospital Universitário de St. Peter e está na UTI desde então (ele está incrível, a propósito!)”, escreveu Renata em um post, agora viral no Facebook . “O que alguns de vocês talvez não saibam é que o pai dele – meu incrível noivo – também nasceu cerca de seis semanas antes no mesmo hospital!”.

Mundo pequeno, certo? Bem, aparentemente, David não fazia ideia de que ele e Zayne foram tratados por Lissa até que tiraram o álbum de fotos da família. “Ele pegou seu livro de bebê para me mostrar”, escreveu a nova mamãe. “Enquanto eu olhava, me deparei com uma foto dele quando bebê e uma mulher segurando-o. Eu a conheci! Perguntei-lhe imediatamente quem ela era e ele confirmou que ela era a enfermeira que cuidava dele durante a gravidez. A mãe dele a amava tanto que ela precisou de uma foto dos dois no dia em que ele recebeu alta”.

-Publicidade-

Renata não demorou muito para conectar os pontos. “A razão pela qual a conheço é porque jurei que ela era a enfermeira que cuidava de nosso bebê nos últimos três dias! David não acreditou em mim”, disse ela. “Trouxemos a foto para o hospital, onde três outras enfermeiras confirmaram que era Lissa”.

No dia dos namorados, o casal decidiu recriar a foto enquanto Lissa cuidava de Zayne, e o resultado final é realmente precioso. “As duas últimas semanas foram preenchidas com preocupações e incertezas”, disse Renata. “Mas podemos respirar tranquilamente sabendo que a enfermeira da minha pequena pepita é a mesma mulher que ajudou o homem que eu amo quando ele estava na mesma situação.”