Pai dorme e perde filho em estação de metrô

Dondre Hunter foi preso e irá responder por abandono de menor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Pai dormiu na estação de metrô e perdeu o filho.
  • Filho foi encontrado e encaminhado à delegacia.
  • Dondre Hunter foi preso e irá responder por abandono de menor.

Um pai deixou seu bebê preso em uma plataforma de metrô do Bronx, Estados Unidos. Segundo os policiais, o homem, supostamente embriagado, dormia enquanto o pequeno ficou sem cuidados. O menino, de aproximadamente 18 meses de idade, foi salvo por um homem que passava por lá. O caso aconteceu na estação Burnside Avenue em University Heights.

Por volta das três da manhã do último domingo (19), o bebê foi encontrado e levado a delegacia. Dondre Hunter, de 27 anos, procurou freneticamente os policiais afirmando ter perdido o filho. Ele afirmou ter adormecido por volta das duas da manhã e ao acordar percebeu o sumiço do menino. Os policiais logo perceberam que o menino encontrado na estação se tratava do filho de Dondre.

O bebê, que não teve o nome divulgado, foi encaminhado ao Centro Hospitalar do Bronx-Líbano. A mãe da criança ficou em pânico ao saber da história. A mulher apareceu desesperada no hospital a procura do menino e horas depois foi autorizada a levar o filho para casa. Segundo as informações divulgadas pelos policiais, a mãe afirmou que o pai levou o filho para uma festa por volta das 17 horas do sábado (18) e não havia voltado desde então. As primeiras notícias foram obtidas pela mãe apenas por volta de uma hora da manhã.

-Publicidade-

O irmão de Hunter foi responsável por levar o pai e bebê ao trem, para retornar à casa, o que não ocorreu. O irmão alertou a família que algo não estava certo. Os policiais afirmam que Hunter estava intoxicado quando deixou a criança de lado. O pai foi detido na estação Transit Distrit da Polícia de Nova York. Eles está sendo acusado de abandono de criança e por porte ilegal de maconha.

Pai dorme e perde filho em estação de metrô (Foto: Daniel William McKnight/ The New York Post)

Huter foi levado da estação com a cabeça baixa. O homem ficou extremamente furioso ao ver os repórteres do lado de fora fazendo perguntas. Bravo, tentou chutar um fotógrafo. Huter, que chegou a ameaçar quem estava noticiando o momento, foi levado ao Tribunal Penal do Bronx. A mãe e vários parantes se recusaram a comentar o incidente. Uma assistente social foi ouvida pela mãe para entender melhor o ocorrido.