Menino mata pai à facadas para defender mãe de violência doméstica

O pai não resistiu aos ferimentos e morreu. O juiz ainda avalia a sentença do menino

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Na última terça-feira (19), um menino de 13 anos foi preso após desferir facadas no próprio pai;
  • O garoto pretendia defender a mãe que foi agredida e ameaçada pelo marido;
  • O pai não resistiu aos ferimentos e morreu. O juiz ainda avalia a sentença do menino.

Na última terça-feira (19), um menino de 13 anos foi preso após desferir facadas no próprio pai. O garoto pretendia defender a mãe que foi agredida e ameaçada pelo marido. O pai não resistiu aos ferimentos e morreu. O juiz ainda avalia a sentença do menino.  O caso aconteceu em  Montes Claros, Minas Gerais.

Segundo a Polícia Militar, a vítima, de 44 anos, teria saído de casa na segunda-feira (18) e retornado na madrugada seguinte, com sinais de embriaguez e sem conseguir estacionar o carro na garagem. A mulher teria pedido para que o marido estacionasse o veículo corretamente.

A solicitação enfureceu o homem que passou a agredir a mulher física e verbalmente. Ao perceber as agressões, o filho do casal foi até a cozinha, pegou uma faca com o intuito de ameaçar o pai e cessar as agressões. Mas, ao ver o filho com o objeto na mão, o pai teria desafiado o adolescente a “ser mais homem” que ele.

O pai desferiu socos no filho e o garoto revidou com três facadas. O próprio adolescente acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas o pai não resistiu e morreu ainda no local. O menino foi detido em flagrante.  O Ministério Público vai decidir sobre a possível internação do jovem.

Menino agride pai (Foto: Freepick)