Menino de dois anos é chicoteado após ‘quebrar capa de celular’ da vizinha

Duas mulheres foram acusadas. O caso aconteceu em Warnes, na periferia de Santa Cruz de la Sierra, Bolívia

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Duas mulheres foram acusadas de chicotear um menino de dois anos em Warnes, na periferia de Santa Cruz de la Sierra, Bolívia;
  • A criança teria sido punida cruelmente após ter supostamente quebrado um acessório de celular e um cartão de crédito;
  • A polícia investiga o caso.

Duas mulheres foram acusadas de chicotear um menino de dois anos em Warnes, na periferia de Santa Cruz de la Sierra, Bolívia. A criança teria sido punida cruelmente após ter supostamente quebrado um acessório de celular e um cartão de crédito.

As imagens da punição viralizaram nas redes sociais e acabaram levando a polícia investigar. Nas imagens, o menino se mostra aparentemente com uma dor agonizante. Além disso, cortes e marcas se espalham pelo rosto e costas da criança.

Menino chicoteado (Foto: reprodução/ Facebook)

De acordo com a imprensa local, a mãe do menino estava trabalhando e o menino estava sob os cuidados da irmã mais velha, de 13 anos, quando a mulher, sobrinha do proprietário da casa em que a família da vítima mora, usou um fio de ferro para chicotear a criança.

-Publicidade-

O caso tanto repercutiu que até o Ministro do Interior do país, Eduardo del Castillo, pediu uma investigação completa para entender o crime. Duas mulheres são investigadas e a polícia já apurou que havia uma tensão entre as famílias – o que poderia ter impulsionado o crime.

Menino chicoteado (Foto: reprodução/ Facebook)

A família e a criança receberão assistência psicológica e jurídica. O caso segue sendo investigado.