Mãe quebra perna da filha de três anos e a deixa com dor até vizinha denunciar o crime

A mulher teria mantido a criança em casa por uma semana – mesmo com febre e com a perna muito inchada

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Na última quarta-feira (06), uma mãe foi presa acusada de quebrar a perna da própria filha de três anos;
  • A mulher ainda teria mantido a criança em casa por uma semana – mesmo com febre e com a perna muito inchada;
  • Foi preciso que uma vizinha denunciasse para que a menina recebesse ajuda.

Na última quarta-feira (06), uma mãe foi presa acusada de quebrar a perna da própria filha de três anos. A mulher ainda teria mantido a criança em casa por uma semana – mesmo com febre e com a perna muito inchada. Foi preciso que uma vizinha denunciasse para que a menina recebesse ajuda.

O caso aconteceu em Chapecó, Santa Catarina. A menina teria sido agredida porque não sabia acionar a descarga do vaso. “Foi apurado que, após os fatos, a mãe manteve a criança em casa por sete dias sem qualquer tipo de assistência médica, embora a criança estivesse impossibilitada de se locomover adequadamente, com a perna bastante inchada e apresentando alterações até na coloração, e estado febril”, explicou o delegado responsável pelo caso ao G1.

A criança só foi socorrida quando uma vizinha percebeu que a menina não estava brincando como de costume e acionou a polícia. No hospital,  a menina disse inicialmente que quebrou a perna caindo da escada. Segundo a polícia, a mãe orientou a filha a dizer isso, mas exames apontaram que não havia lesões características de queda.

-Publicidade-

Em depoimento à polícia, a mãe negou o crime. No entanto, a criança conversou com a psicóloga policial e entregou que a mãe teria sido a autora do crime. A mulher foi indicada pela prática de tortura qualificada e foi levada ao sistema prisional.

A criança recebeu alta e está sob os cuidados da avó paterna.

Mãe quebra a perna da filha (Foto: Freepick)