Mãe e Padrasto são condenados após matar filha de três anos que fez xixi na cama

O crime aconteceu em 2018 e casal é acusados de homicídio quadruplamente qualificado

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Na última quinta-feira (4), um casal foi acusado após matar a filha de três anos, por ela ter feito xixi na cama;
  • O crime aconteceu em 2018 e a mãe e o padrasto da menina, são acusados de homicídio quadruplamente qualificado;
  • O caso aconteceu em Poços de Caldas, Minas Gerais.

Na última quinta-feira (4), um casal foi acusado após matar a filha de três anos, por ela ter feito xixi na cama.  O crime aconteceu em 2018 e a mãe e o padrasto da menina, são acusados de homicídio quadruplamente qualificado. O caso aconteceu em Poços de Caldas, Minas Gerais.

De acordo com a polícia, a criança foi morta após ser espancada pelo padrasto, de 27 anos, e não recebeu socorro da mãe, de 19. As investigações apontaram que a vítima teria sido espancada logo pela manhã e a mãe teria passado o dia todo com a filha machucada.

Casal é condenado por matar criança que fez xixi na cama (Foto:Arquivo Pessoal)

Durante a noite, a menina teria sido novamente vítima de agressão e só foi levada ao hospital no dia seguinte, quando o homem percebeu a filha desacordada, com dificuldades para respirar, inchada e com a pele roxa – mas não resistiu e perdeu a vida.

Antes do crime, o casal chegou a ser acusado por maus-tratos. O Juri popular julgou mãe e padrasto culpados de “Tortura e meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima, feminicídio e motivo fútil”. Ambos são defendidos por defensores públicos.

Casal é condenado por matar criança que fez xixi na cama (Foto:Arquivo Pessoal)