Mãe e filho que descobriram câncer no mesmo ano comemoram remissão da doença

“Esse momento parece surreal”, descreveu Vici Rigby, 40 anos

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Meses após receber diagnóstico de câncer, uma mãe descobre que seu filho também está com câncer
  • Ambos enfrentaram tratamentos para doença
  • Mãe e filho comemoram remissão de câncer

Notícia boa! Uma mãe e um filho que lutaram juntos contra o câncer durante quatro anos finalmente receberam a notícia de que ambos estavam livres da doença. Os dois tinham sido diagnosticados no mesmo ano. No outono de 2016, Vici Rigby, 40 anos, foi informada que tinha câncer colorretal no estágio quatro e, cinco meses depois, George, então com quatro anos, foi diagnosticado com leucemia linfoide aguda.

Foram quatro anos difíceis para a família de Tenby, no País de Gales. O tratamento de Vici envolveu seis rodas de quimioterapia, cirurgia no fígado e no intestino, radioterapia e depois mais doze rodadas de quimioterapia. Felizmente o prognóstico de George era mais positivo e o caso foi resolvido com quimioterapia.

Mãe e filho que descobriram câncer no mesmo ano comemoram remissão da doença (Foto: Reprodução/Facebook)

Vici compartihlou em entrevista ao Mirror que a primeira coisa que pensou ao receber o diagnóstico da doença foi em George e no seu outro filho, Jake. “Achei que não teria um final feliz, pois a doença já estava em estágio avançado”, falou a mãe. Mal sabia ela que outra notícia a deixaria ainda mais triste: o câncer de seu filho.

-Publicidade-

“Quando George foi diagnosticado, é até difícil colocar em palavras… Foi como se o chão sumisse debaixo dos nossos pés novamente, mas desta vez era o nosso menino de quatro anos. Não há como racionalizar isso na sua cabeça. Lembro-me de pensar que agora tínhamos que torcer por dois milagres, para que nós dois melhorássemos. Mas diferente do que sentia em relação a mim mesma, sempre tive muita esperança e convicção de que o George se recuperaria.”, relatou.

Mãe e filho que descobriram câncer no mesmo ano comemoram remissão da doença (Foto: Reprodução/Facebook)

A comemoração do fim do tratamento de George foi para lá de especial. O pequeno tocou o sino na ala de oncologia do Hospital Real de Worcestershire, onde recebeu a quimioterapia. A alta do menino ocorreu poucos meses após a de sua mãe. “Esse momento parece surreal. Quando você recebe o diagnóstico, sabe que terá que enfrentar anos de tratamento e parece que esse dia nunca chegar. Você entra na rotina das consultas e visitas ao hospital e planeja sua vida em torno disso. Agora, de repente, podemos fazer planos, reservar férias e organizar as coisas sem a preocupação. Só temos a agradecer”