Grávida, mulher com coronavírus recebe cuidados especiais durante o parto

O caso aconteceu em Israel e a mãe ganhou um leito apropriado

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Uma mulher grávida estava em quarentena devido ao coronavírus em Israel
  • A mãe entrou em trabalho de parto e precisou ir ao hospital
  • O local estava devidamente preparado para receber a mulher

Mulher com coronavírus recebe cuidados especiais no parto (Foto: Patricia Prudente /Unsplash)

Grávida, uma mulher que estava em quarentena precisou ser internada para dar à luz. O caso aconteceu no último domingo (15), em Israel. A equipe do hospital Hadassah Ein Kerem estava preparada.

Seguindo diretrizes do Ministério da saúde de Israel, a mãe foi levada ao hospital por uma equipe devidamente equipada. A equipe médica que aguardava a chegada da mulher, preparou uma sala especialmente para a realização do parto. 

Em uma área distante dos outros pacientes, além de duas parteiras vestindo uma roupa de proteção, a mulher de 35 anos ficou isolada. Após o nascimento da criança, o filho foi separado da mãe e também mantido em isolamento. 

No hospital, a mulher fez o teste para coronavírus e o resultado  deu positivo. Entretanto, a equipe usou o celular para enviar fotos da criança, e tranquilizar a mãe quanto aos cuidados do pequeno – que devido às circunstâncias eram especiais, e o médico falou com a paciente via ligação. 

O diretor do Hospital Hadassah Ein Kerem, o professor Zeev Rothstein, observou: “Este evento incomum e emocionante ilustra como é importante ter uma comunicação eficaz”.

-Publicidade-

Recém-nascidos podem contrair o coronavírus 

Mulheres grávidas e bebês têm baixo risco de complicações do coronavírus mas ainda podem contrair a doença. Na última sexta-feira(13), na Inglaterra, um recém-nascido teve o diagnóstico positivo e se tornou a pessoa mais nova do mundo com a infecção.

De acordo com o The Sun, a mãe da criança apresentava sintomas de Pneumonia e foi levada ao hospital onde deu à luz. Ao fazer os exames, os médicos constataram que a mulher carregava o vírus da doença. Prontamente, a equipe examinou o bebê – minutos após seu nascimento.

O resultado positivo para coronavírus no bebê surpreendeu. Agora, os médicos examinam se a criança foi infectada ainda no útero ou se contraiu pelo ar, assim que nasceu. O bebê ainda está no hospital, mas a mãe, foi encaminhada para um centro de infectologia.