Cachorro tem língua cortada durante tosa em pet shop e polícia investiga

A dona do cãozinho foi informada de um incidente via ligação e só soube da gravidade na hora

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Na última quarta-feira (11), uma moradora da cidade de Quatá registrou um boletim de ocorrência;
  • A mulher contou que deixou o cachorro de um ano para tosar em um pet shop;
  • Quando voltou, percebeu que o animal estava com parte da língua cortada.

Na última quarta-feira (11), uma moradora da cidade de Quatá registrou um boletim de ocorrência. A mulher contou que deixou o cachorro de um ano para tosar em um pet shop, e quando voltou, percebeu que o animal estava com parte da língua cortada. 

O acidente teria acontecido, de acordo com a equipe do pet shop, no momento em que os funcionários faziam a tosa na parte do rosto do animal, que tentou morder a tesoura e provocou o corte. A dona do cãozinho foi informada de um incidente via ligação e só soube da gravidade na hora. 

Em um depoimento no facebook, a mulher desabafou: “Hoje levamos ele para cortar e quando fui buscá-lo foi com isso que me deparei.”, contou a dona de Scott. “Eles cortaram a língua dele. Meu coração não aguenta toda essa tristeza. Até paguei porque me cobraram. Inacreditável!”, disse revoltada. 

Viviane disse que Scott sempre foi um cachorro feliz, mas o acidente o deixou com os olhos chorando de dor e medo. “Ele ainda não comeu nem bebeu. Cuide de seus animais. Leve-os a quem realmente faça seu trabalho com amor”. 

-Publicidade-

Nas imagens compartilhadas pela mãe do pet é possível ver que o bichano aparece traumatizado e com os olhos turvos e com uma grande parte da língua faltando. A mulher ainda lamentou no final do depoimento: “Meu Scott, meu filho, meu filho de quatro patas, eu quero justiça.”

Cachorro perde a língua em pet shop (Foto: Facebook)

A mulher informou que a clínica não deu apoio ou receitou qualquer remédio para o tratamento do animal. E até o contato com os responsáveis pelo pet shop foi dificultado e justamente por isso, ela foi até a delegacia. A polícia informou que investiga a possibilidade de maus-tratos. 

Em depoimento, o pet shop revelou ter sido um acidente e que nada parecido já havia acontecido antes no local.