Bebê sobrevive após ser encontrada flutuando em rio dentro de uma caixa de madeira

A bebê foi resgatada por um barqueiro e levada ao hospital. No local, após exames, foi constatado que a criança estava saúdavel

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Nesta quinta-feira, 17 de junho, um bebê de 21 dias, foi encontrado flutuando em uma caixa de madeira no rio Ganges, na Índia;
  • A bebê foi resgatada por um barqueiro e levada ao hospital;
  • No local, após exames, foi constatado que a criança não tinha problemas de saúde.

Nesta quinta-feira, 17 de junho, um bebê de 21 dias, foi encontrado flutuando em uma caixa de madeira no rio Ganges, na Índia. A bebê foi resgatada por um barqueiro e levada ao hospital. No local, após exames, foi constatado que a criança não tinha problemas de saúde.

É difícil determinar quanto tempo ela ficou flutuando no rio”, disse o policial O. P. Singh à agência de notícias France Presse. “O barqueiro ouviu um choro que saía da caixa e encontrou a bebê.” De acordo com os jornais locais, a caixa estava enfeitada com tecidos e imagens de deuses hindus.

Bebê é encontrada flutuando em rio (Foto: Reprodução/ Arquivo pessoal)

Além disso, havia a inscrição da data de nascimento, hora, horóscopo e nome da bebê: Ganga – a palavra em hindu para o rio sagrado. Ainda segundo os jornais locais, o nascimento de bebês do sexo feminino é considerado por algumas famílias pobres como um “fardo ecônomico”.

O governo regional já anunciou que irá arcar com os custos para a criação da pequena Ganga – e o barqueiro que a encontrou foi presenteado com uma casa “por seu exemplo de humanidade”.