Bebê é atacado por jacaré em parque e precisa amputar o antebraço direito

O menino tem um ano e oito meses e o acidente aconteceu no norte de Goiás

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Na última quinta-feira, 24 de junho, um bebê de um ano e oito meses foi atacado por um jacaré em um parque municipal no norte de Goiás;
  • A criança precisou ter o antebraço direito amputado por conta da gravidade dos ferimentos;
  • Ele segue internado.

Na última quinta-feira, 24 de junho, um bebê de um ano e oito meses foi atacado por um jacaré em um parque municipal no norte de Goiás. A criança precisou ter o antebraço direito amputado por conta da gravidade dos ferimentos e segue internada.

De acordo com o médico, o “braço estava muito destroçado” quando o bebê foi levado para atendimento. Agora, o pequeno está clinicamente bem. “Ele vai ter vida normal. A articulação do cotovelo ficou preservada para poder implantar uma prótese futura”, explicou o profissional ao G1.

Em depoimento à polícia, a mãe contou que a babá do filho, passeava com o menino quando o braço do bebê foi abocanhado pelo animal. A cuidadora ainda teria entrado na água para tirar o menino da boca do jacaré.

Os primeios socorros são essenciais (Foto: Freepick)

O menino foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado a um hospital. Mas ele precisou de um helicóptero para ir a outro centro médico fazer uma cirurgia. A criança acabou tendo o braço amputado e segue internada em estado grave.

Em comunicado, a Prefeitura de Porangatu lamentou o incidente e diz que, embora a espécie não apresente riscos aos humanos, é importante tomar cuidados de afastamento dos animais. Além disso, a Secretaria Municipal de Turismo e Meio Ambiente (Semma) fala que placas informativas foram solicitadas em maio deste ano para notificar turistas sobre cuidados com o passeio no local.