Bebê brasileiro nasce com “rabo” de 12 centímetros em caso raríssimo

O caso aconteceu no Hospital Infantil Albert Sabin, em Fortaleza. Médicos responsáveis pelo parto da criança ainda relataram que ele veio ao mundo prematuro de 35 semanas

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Um bebê brasileiro nasceu com um “rabo” de 12 centímetros
  • A criança nasceu no Hospital Infantil Albert Sabin, em Fortaleza
  • A equipe médica responsável pelo parto da criança narrou que esse é um caso extremamente raro

Um bebê nasceu com um “rabo” de ao menos 12 centímetros no Hospital Infantil Albert Sabin, em Fortaleza. Por lá, a equipe médica responsável pelo parto prematuro de 35 semanas da criança narrou que este é um caso extremamente raro.

A tal “cauda” da criança é decorrente de uma alteração de um evento natural do desenvolvimento de bebês na barriga da mãe. Isso porque todos os bebês desenvolvem uma cauda embrionária no útero entre quatro a oito semanas após a gestação, mas ela é normalmente reabsorvida pelo corpo.

O rabo da criança já foi removido
O rabo da criança já foi removido (Foto: Reprodução/ UOL)

Contudo, no caso da criança rara, essa cauda embrionária continuou se desenvolvendo – e chegou aos 12 cm de comprimento quando o bebê estava pronto para o parto. O recém-nascido não possui nenhuma outra alteração física e neurológica.

O “rabo” do bebê já foi removido, e ele passa bem. Os médicos narraram ainda que a cauda não continha partes feitas de cartilagem e osso, ou seja, uma verdadeira cauda humana.

De acordo com dados fornecidos pelo portal Daily Mail, são apenas 40 bebês no mundo todo que já viveram a mesma realidade. Além disso, a história registra que há aproximadamente 20 milhões de anos a espécie de homo sapiens passou a ficar sem caudas.