“Baby Shark” ganha versão para dia dos namorados e diverte a internet

Música original já teve mais de 4 bilhões de visualizações

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • A música infantil mais ouvida de todos os tempos acaba de ganhar uma versão romântica
  • No dia dos namorados dos Estados Unidos, Baby Shark se tornou uma música bem especial
  • A música infantil sul-coreana “Baby Shark” no estilo brega-funk se espalhou em Recife e viralizou nas redes sociais

A música mais chiclete de todos os tempos acaba de ganhar uma nova versão. Foi criada uma canção especial de Baby Shark para os dias do namorados norte-americano. A música original já teve mais de 4 bilhões de visualizações desde seu lançamento, em 2016, no canal coreano Pinkfong. Desde então, a canção vem ganhando novas versões em datas comemorativas.

Com o Valentine’s Day – equivalente ao nosso Dia dos Namorados – é comemorado nos Estados Unidos em 14 de fevereiro, não foi diferente. No início de 202o, foi lançada a versão especial da música. A melodia, os personagens e o viciante doo, doo, doo continua igual, porém o vídeo apresenta corações, cartinhas apaixonadas e algumas frases diferentes na letra da canção. Tubarões se declarando para seu companheiros!

Baby Shark brega-funk

O brega-funk está tomando conta do mundo da música. Sejam canções novas ou antigas, todas podem ter uma versão com o novo ritmo. A onda de refazer músicas de diversos estilos com o ritmo pernambucano chegou até a famosa canção infantil Baby Shark. Além de fazer remixes, a produção também conta com músicas próprias, como é o caso de Tudo Ok e Sentadão, ambas do DJ JS.

-Publicidade-

Essa versão é originária do Nordeste e não é recente. Ele surgiu nos anos 80 e se inspirou no funk carioca. Atualmente, ela mistura o brega, arrocha, funk carioca e até mesmo o sertanejo. O ritmo começou a se espalhar quando a MC Loma e as Gêmeas Lacração compartilharam um vídeo no Youtube.

Print do vídeo do Youtube (Foto: Reprodução/Youtube)

No vídeo, elas cantavam e dançavam a música “Envolvimento”, de autoria própria. Em pouco tempo, a postagem atingiu muitas visualizações e elas foram chamadas para participar de uma gravação profissional. As meninas foram as primeiras artistas do brega-funk a serem chamadas para gravar com KondZilla, produtor e empresário brasileiro.  Hoje, o vídeo oficial conta com mais de 235 milhões de visualizações. O hit já conquistou o país e também está abrindo as portas para novos artistas. Além disso, promete estar muito presente no carnaval de 2020.

A música mais recente que ganhou um remix é a “Amor de que”, de Pablo Vittar. A onda se tornou tão forte que os artistas não aguardam mais pelo sucesso da música original para pedir o remix do estilo brega-funk. Já no começo de 2019, a música infantil sul-coreana “Baby Shark” no estilo brega-funk se espalhou em Recife. No Youtube, o vídeo já atingiu mais de 55 milhões de acessos e pode ganhar ainda mais destaque no carnaval deste ano. Para assistir ao vídeo, clique aqui. Além da canção sul-coreana, outra música ganhou o tratamento brega-funk, “Dance Monkey”. No caso da Austrália, a encomenda foi feita pela própria gravadora multinacional da faixa, a Warner Music. O remix já está pronto, mas ainda não tem data para ser lançado.