Agência dos Correios impede grávida de usar o banheiro

Chelsea Hastie está no oitavo mês de gestação. “Foi vergonhoso, eu chorei muito depois”.

Categorias

Compartilhe

Uma grávida de 23 anos de idade foi impedida de usar o banheiro em uma agência do Correio Britânico. Segundo o  jornal Mirror a jovem, que estava retirando uma encomenda, percebeu que não daria tempo de ir para a casa e pediu para que usasse o banheiro do correio.

Os trabalhadores alegaram que o banheiro era para uso exclusivo dos funcionários. Chelsea argumentou que estava grávida de 8 meses e que precisaria usar o banheiro do local. A mulher, então, resolveu pedir para um segundo funcionário, que estava ao lado de fora da agência, mas ele também disse que ela não poderia ir ao toalete.

Chelsea disse que a pressão do bebê sobre sua bexiga fez com que ela não aguentasse chegar em casa e se molhou no próprio estabelecimento. “Foi vergonhoso, eu chorei muito depois”.

O pai da jovem, Desmond Hastie, que também estava com ela nos Correios, disse que o tratamento dos funcionários foi desagradável.

A porta-voz do Correio Britânico pediu desculpas pela experiência ruim que a cliente teve. “Garantimos que conversaremos com nossos funcionários sobre o incidente”. A previsão do nascimento do bebê de Chelsea é para o Natal.