Fora da realeza, Meghan Markle é fotografada com o filho e ameaça processo

Príncipe Harry também está bastante incomodado com a imprensa

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Recentemente, fotos de Meghan Markle e Archie, de 8 meses, enquanto passeavam em um parque no Canadá foram divulgadas.
  • Os registros incomodaram a mãe e o príncipe Harry.
  • Casal ameaça processar os veículos que divulgarem tal conteúdo.

Afastados da Família Real, Meghan Markle e príncipe Harry, iniciaram uma nova vida no Canadá. Entretanto, o assédio da imprensa continua o mesmo e está incomodando muito o casal, principalmente a norte-americana. Recentemente, Meghan foi fotografada durante uma caminhada com o filho, Archie, de 8 meses, em um parque nacional. Segundo informações do The Guardian, a atitude não agradou a família.

De acordo com o jornal, os ex-duques acionaram representantes legais e ameaçaram processar veículos que replicassem o conteúdo. Os advogados do casal afirmaram que Meghan foi fotografada por um profissional escondido atrás de arbustos, sem consentimento. Câmeras teleobjetivas, que conseguem captar em longa distância, que estão nos arredores do novo lar, em Vancouver, também foram listados como incômodos pelos pais de Archie.

Meghan e Harry renunciaram os cargos reais recentemente (Foto: reprodução/Instagram @sussexroyal)

Esta não é a primeira vez em que o casal demostra não gostar da presença intensa da imprensa britânica. “Infelizmente, minha mulher se tornou uma das mais recentes vítimas de uma imprensa britânica de tabloides que realiza campanhas contra indivíduos sem pensar nas consequências – uma campanha implacável que se intensificou ao longo do ano passado, durante a gravidez e ao criar nosso filho recém-nascido”, declarou o ruivo em entrevista em outubro de 2019. O príncipe chegou a comparar Meghan com Lady Di. “Perdi minha mãe e agora vejo minha esposa sendo vítima das mesmas forças poderosas”, afirmou.

Na última terça-feira (21), Harry se juntou a esposa. O príncipe foi flagrado saindo de um avião em WestJet, no aeroporto internacional de Vancouver, acompanhado por guardas de segurança. No último domingo (19), ocorreu um jantar privado em Londres para instituição de caridade do casal. Na ocasião, Harry se pronunciou sobre a renuncia dos cargos reais. Ele disse que não queria ter tomado a decisão de desistir de seus deveres, mas “não havia outra opção”.

-Publicidade-
Meghan Markle e o príncipe Harry com o primeiro filho do casal, Archie (Foto: Reprodução/Instagram)

O anúncio do afastamento dos duques de Sussex de seus cargos reais surpreendeu o mundo. Através das redes sociais oficiais, o casal emitiu um comunicado. “Após muitos meses de reflexão e discussões internas, optamos por fazer uma transição este ano, começando a desempenhar um novo papel progressivo dentro desta instituição. Pretendemos dar um passo atrás como membros ‘seniores’ da Família Real e trabalhar para nos tornar financeiramente independentes, enquanto continuamos a apoiar totalmente Sua Majestade a Rainha”, informava a postagem.

O comunicado oficial continua: “É com seu encorajamento, principalmente nos últimos anos, que nos sentimos preparados para fazer esse ajuste. Agora, planejamos equilibrar nosso tempo entre o Reino Unido e a América do Norte, continuando a honrar nosso dever para com a Rainha, a Commonwealth e nossos patrocínios. Esse equilíbrio geográfico nos permitirá apreciar nosso filho com a tradição real em que ele nasceu, além de proporcionar à nossa família o espaço para se concentrar no próximo capítulo, incluindo o lançamento de nossa nova entidade beneficente”.