Cynthia Rachel, a Biba do Castelo Castelo Rá Tim Bum, desabafa sobre maternidade

Sucesso na década de 1990, atriz afirma: “Cedi tanto que me diluí”

Categorias

Compartilhe

A atriz e mãe, Cynthia Rachel, decidiu abrir o jogo sobre a maternidade. A eterna Biba do programa infantil Castelo Rá Tim Bum, compartilhou uma foto inédita com o seu filho em sua conta do Instagram, nesta terça-feira (07). Na imagem, ela aparece amamentando o pequeno Joaquín, de 1 ano. O pequeno é fruto do seu relacionamento com o argentino Gastón Marano. Rachel se mudou para Buenos Aires, capital da Argentina, em 2016, quando se casou.

Na legenda da publicação, Cynthia escreveu um pouco sobre o período que está vivendo e como é, para ela, o  puerpério, isto é, o que ocorre desde o momento do parto até que os órgãos genitais e o estado geral da mulher voltem às condições anteriores à gestação. Cynthia, de 39 anos, não se conteve nas palavras e desabafou: “Às vezes tenho a sensação de que não é possível voltar a ser quem eu era antes”.

Para ela, ser mãe é ceder, mas há momentos que se enxerga perdida. “Abri tantos espaços, cedi, cedi, cedi tanto que me diluí, me desfiz, não sei mais quem sou ou era, o que eu fazia ou gostava.” Ela acredita que é preciso ter um novo começo que não dá para voltar como era antes. “Não dá pra resgatar quem não existe, há que se começar do zero, de novo… do nada.”, completou.

Finalizou dizendo que o “nada” não é puro e sim vazio. “Mas não desse nada que vem da pureza, mas, sim, do fundo, de um vazio, de um lugar que te desnudou mas não te banhou com perfume, do degrau abaixo do zero, daquele passo atrás, do segundo antes de prender o fôlego pra encher o peito de ar e mergulhar, do segundo antes de sentir o ar acabar e você surgir lavada em água salgada, pronta pra sair desse não lugar”, finalizou.

Cynthia Rachel, a eterna Biba do Castelo Castelo Rá Tim Bum, com o filho, Joaquín (Foto: Reprodução/Instagram)

Cynthia Rachel deu vida à Biba, em um dos programas mais famosos dos anos 90. Castelo Rá Tim Bum apresentava a história de Nino, um menino 300 anos de idade, seu tio Victor e sua tia-avó Morgana. Inconformado com o fato de não poder ir a escola por causa da idade, Nino realizou um feitiço na bola de Zeca, atraindo a ele e seus amigos Biba e Pedro para o castelo. Os quatros se tornaram muito amigos e marcaram a infância de quem assistiu.