Andressa Suita fala das dificuldades da maternidade e garante que a ‘fábrica está fechada’

Andressa Suita é esposa do cantor Gusttavo Lima. Os famosos são pais de dois filhos

Autor

Categorias

Compartilhe

Resumo da Notícia

  • Andressa Suita, esposa do cantor Gusttavo Lima falou sobre as dificuldades da maternidade;
  • A mãe contou que passa por apuros com os dois filhos; 
  • A mulher ainda falou sobre ter mais filhos.

Andressa Suita, esposa do cantor Gusttavo Lima falou sobre as dificuldades da maternidade em entrevista à Vogue na última segunda-feira(29). Os famosos são pais de Gabriel, de três anos, e Samuel, de dois. 

Andressa Suita e família (Foto: Reprodução/ Instagram)

A mãe contou que passa por apuros com os meninos: “Grito, perco a paciência e depois choro de culpa. Queria ser mais madura para lidar do jeito certo. O Gabriel está na fase de chamar nossa atenção e às vezes bate no Samuel para querer pegar o brinquedo. Aí eu converso com eles. Mas até para dar banho é uma luta”.

Sem conseguir amamentar o filho mais novo, Andressa disse que se sentiu incapaz e entrou em depressão pós-parto. Para a modelo, a ajuda da mãe e do marido foram fundamentais para que ela superasse aquele momento. Entretanto, a mulher garantiu que ainda sente muitas dificuldades em educar os meninos. 

-Publicidade-

“Cada fase é um sentimento diferente. Minha mãe sempre fala que vou sentir falta deles pequenos. Achei que fosse mais fácil educar. A gente tem muito medo, existe muita gente má no mundo. Pensamos muito no futuro deles. Mas a maternidade fez eu amadurecer como mulher. Sou uma ótima mãe. E não tenho neuras, eles andam descalça, brincam na terra. Tenho muito orgulho de mim”, afirmou Andressa, que começou a fazer terapia há dois meses.

Quando questionada sobre o desejo do marido de ter mais filhos ela afirmou que a “a fábrica está fechada” e explicou: “Nesse momento não rola, quero descansar. Meus filhos ainda acordam a noite e tem todo o desgaste, preocupação. Quando estou com meu marido, fico sempre ligada na babá eletrônica. Pode ser que daqui cinco anos eu mude de ideia. Meu marido quer uma menina, mas agora não”, finalizou.